fbpx
Juci Nones

Juci Nones

Vencendo Crenças Limitantes

vencendo crenças limitantes

Hoje eu vim aqui falar sobre uma coisa que é o motivo da maioria dos problemas das pessoas. Você sabe qual é? Se você pensou em “crenças limitantes” você está imensamente certo. Eu vou te explicar aqui o que é isso e algumas das coisas que eu costumo falar também para os meus clientes que podem te ajudar a ressignificá-las, podem te ajudar. Quero te ver vencendo crenças limitantes.

O que são as crenças limitantes

Quando nós viemos ao mundo, é como se nós fossemos páginas em branco. E, à medida que nós vamos crescendo, vivendo, experenciando, aprendendo, essa página, que somos nós, ela vai se tornando colorida. E é como se cada uma dessas cores que nos pertencem fossem formadas por diversas coisas internas ou externas. As externas são a influência que todas as coisas, pessoas e situações ao nosso redor têm sobre nós.

A partir dessas influências externas, nós vamos criando crenças. Vamos adquirindo coisas que cremos, as coisas que aceitamos como verdade. Isso a partir da nossa cultura, nossa família, amigos, conhecidos, as experiências que passamos, nossas vivências, o que assistimos, o que lemos, o que ouvimos e muito mais.

Acontece que essas crenças podem nem sempre ser boas. Algumas sim, algumas irão nos impulsionar. Porém, há outras que são limitantes, como o nome já diz. Que nos limitam. Que nos fazem ficar dentro de uma caixinha fechada com um limite muito estreito, o que torna difícil que saiamos dela.

O que ocasionam

Eu atendo muitas pessoas no meu Instituto, e tanto nos processos pessoais quanto nos de empresas, de equipes (que também não deixam de ser pessoais, porque buscamos melhorar as pessoas primeiro para que ocorra resultado mais positivo dentro da empresa), eu percebo que a maioria dos problemas das pessoas é gerado por conta da existência de crenças limitantes nelas. Por conta de coisas que elas acreditam que fazem elas agirem de tais maneiras.

Uma crença relacionada à dinheiro, por exemplo, pode nos fazer ganhar muito menos. É comum termos a “síndrome de escassez” e acharmos que por mais que trabalhemos e temos nosso dinheiro, ele não é suficiente. Ou, que por mais que ganhemos o máximo possível, nunca conseguiremos juntar. E quanto mais repetirmos em nossa mente essas colocações ou outras, mais isso vai parecendo real, e não é. É uma crença que foi colocada na sua mente em algum ponto, algum momento da sua vida e você nem percebeu. Talvez passando necessidades, talvez vendo de perto alguma pessoa não conseguir organizar suas finanças e assim acabar com ela… podem ser muitas situações!

Como são

As crenças limitantes podem ser em todos os aspectos possíveis da vida profissional ou pessoal. Elas têm a principal característica de ser de cunho negativo. Achar que não consegue fazer uma coisa, ou não só uma, e que nunca vai conseguir, sem nem tentar. Ademais, achar que não merece as coisas boas que a vida pode nos trazer: paz, amor, dinheiro, saúde, uma vaga no emprego que queremos, o livro que tanto queríamos ler, ou ser fluente na língua que tanto queríamos aprender… são tantas coisas! E isso é desvalorizar-se a si mesmo. Pode ser que até façamos isso sem perceber.  Afinal, como eu falei, isso vem de fora, de influências externas. Pode ser que alguém tenha nos rebaixado na infância e tomamos essa verdade como nossa, por exemplo. Porém, é nosso dever mudar isso para que não mais atrapalhe a nossa vida no momento atual.

Identificando-as no dia a dia

Precisamos, primeiramente identificar as nossas próprias crenças, sua origem (se for possível) e ressignificá-las aos poucos. Para fazermos tudo isso, precisamos estar em nosso próprio controle. Precisamos conseguir silenciar nosso senso crítico e o mundo externo por um tempo para que possamos enxergar a nós mesmos e como estamos agindo e pensando de forma verdadeira. Faça a si mesmo estas perguntas: O que tem impedido você de agir? Quais são os pensamentos que te convencem que você não precisa nem tentar algo diferente, pois não vai dar certo? Você se acha digno de atingir suas metas e sonhos? Sua auto cobrança faz você sofrer? Sempre tem em mente que as coisas que deseja são muito difíceis de alcançar?

Se ao responder essas perguntas você percebeu que tem algo de errado aí, veja se alguma das frases que você mais usa durante a sua vida são parecidas com essas:

Eu quero…., mas não posso porque …

Eu desejo isso…., mas não vai dar certo porque…

Eu preciso disso…., mas não tenho tempo porque…

Se sim, veja as palavras que se encaixam, que completam essas frases para você. E aí estão suas crenças limitantes. Ou pelo menos, alguma ou algumas delas. E eu quero te ver vencendo essas crenças limitantes, passando por cima delas.

Vencendo as crenças limitantes

Agora, vamos supor que você queira aprender uma nova língua, mas acha que não pode porque é velho demais. Pensa comigo agora: Pensar assim te ajuda a conquistar teu objetivo? Quais ganhos você tem pensando dessa maneira? Onde ou/e quando você aprendeu a pensar assim? O que você perde pensando assim? De que forma esse pensamento te limita? Esse pensamento te protege de que? Responda estas perguntas, se precisas faça isso em um papel para ter mais clareza. Você irá perceber que pensando dessa maneira, ou da maneira que você pensa em sua crença, você muito provavelmente está mais perdendo do que ganhando. Vamos começar de uma vez por todas a traçar outro caminho, outro trajeto. Um trajeto com menos pensamentos e crenças que te limitam e que tenha mais portas abertas a você, que você permite que lhe traga mais coisas boas!

Walt Disney, o fundador da Disney, quando estava vivo, uma vez disse: “Não deixe que seu medo tome conta de seus sonhos”. E eu concordo.

Espero que o que eu trouxe aqui hoje te ajude de alguma forma a alavancar seus resultados profissionais, pessoais e sua qualidade de vida e que você continue vencendo as suas crenças limitantes. A melhoria deve ser contínua.

Leia mais em nosso blog:

https://institutojucinones.com.br/blog/

Conheça nosso canal do YouTube:

https://www.youtube.com/channel/UCJlcgUVi2YMVNPZecCa1nqQ?view_as=subscriber

Conecte-se conosco:

https://bit.ly/conecte-se-conosco

Receba nossas novidades!

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *